Imagem: Banco de Séries
Imagem: Banco de Séries
Imagem: Banco de Séries

Um episódio que veio apenas para confirmar que o segundo ano de Gotham está simplesmente maravilhoso. Em Tonight’s the Night tivemos arcos importantes sendo desenvolvidos, mudanças acontecendo e o os personagens se destacando desde o início do episódio.

Começamos com o sonho de Barbara se casando com Jim. No casamento Pinguim era o padre e Galavan tocava o piano. Muitos podem não ter entendido, mas esse sonho foi o fio condutor do episódio. Existe uma teoria rolando pelos fóruns de Gotham onde afirmam que no universo da série, Jerome, não seria o Coringa, e sim a Barbara Kean. O que dá indicio a isso é quando ela diz que vai arrancar o rosto da Dra. Lee, e geralmente quem faz isso é o Coringa.

Esse episódio foi cheio de referências as HQ’s, uma delas foi o casamento. Nos quadrinhos Gordon e Kean se casaram, mesmo com ela sendo insana tiveram um filho , que puxou bastante pela mãe. Esse plot foi o mais importante do episódio inteiro ganhando uma abordagem fantástica na narrativa do enredo.

Imagem: Banco de Séries
Imagem: Banco de Séries

Outro arco bem desenvolvido foi, novamente, o do Nygma. Dessa vez vimos como ele está convivendo depois de se aceitar como um todo, terminando a guerra com ele mesmo. Eu só fico imaginando o que os roteiristas estão guardando para ele, pois Nygma é um dos poucos personagens que apareceu em todos os episódio da temporada. Em nenhum momento ele caiu no esquecimento e sempre esteve presente nas cenas de Gotham.

Finalmente notamos o crescimento do menino Bruce, que estava quase entregando as empresas Wayne para o Galavan, mas seus instintos falaram mais alto naquele momento. Não sei se só eu pensei nisso, mas a cena que o Bruce questionava o Alfred sobre quanto tempo demoraria para ele estar preparado me pareceu um aviso para os fãs. Deu para entender que provavelmente não veremos o Bruce como Batman em Gotham. Mas acho que a série não precisa disso porque essa não é a proposta.

Por fim, tudo aconteceu muito rápido. Surpreendentemente, Jim Gordon, conseguiu prender o Galavan. Na hora pensei “what?”. Realmente foi rápido de mais e um pouco forçado, mas certamente isso aí vai dar muito pano pra manga. Aguardo ansiosamente pelo próximo episódio.

 

Gotham¹.: O que aconteceu com o Pinguin? Vai ser uma nostalgia ver Oswald e Nygma/ Pinguin e Charada juntos!

COMPARTILHAR
Criador da Matinê, está no 4º semestre do curso de jornalismo no Centro Universitário Ritter dos Reis - UniRitter. Aqui escrevo sobre filmes e séries a partir da minha perspectiva de mundo, sem medo de mostrar a todos o meu entendimento pessoal daquilo que assisto. O debate de pontos de vistas diferentes é livre, e sempre bem-vindo.