5 Filmes sobre Samurais para você assistir; ou rever!

Compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Email this to someone

O Matinê Cine e TV traz para você uma lista com alguns ótimos filmes de Samurai, para que você possa curtir toda a bravura e honra nipônicas desse gênero que anda um pouco apagado no cinema, de uns tempos para cá. E pensando em relembrar alguns deste filmes reunimos 5 filmes com esta temática para você assistir, ou, rever.

Confira:

5 – 47 Ronins (2013)

Esse filme, talvez, seja o mais controverso da lista. Com a fotografia sendo uma de suas principais virtudes, 47 Ronins é um agrado para quem gosta de Keanu Reeves, que aqui faz o papel de um estrangeiro não aceito pela sociedade local, trazendo uma premissa já conhecida de outros carnavais – afinal de contas não podemos esquecer que o filme é americano e destinado a esse mercado. Porém, o tom esotérico e com figuras mágicas que fizeram o roteiro parecer retirado de algum livro fantasioso não é nada agradável, ainda mais porque a lenda dos 47 ronins é levada muito a sério e não tem nada a ver com isso que o filme apresenta.  Na adaptação americana, Kai é um mestiço criado desde criança na casa do Lorde Asano. Um dia o Shogun Tsunayoshi visita Ako e leva consigo o Lorde Kira que possui um pacto com uma feiticeira. Juntos eles tramam contra Asano para que ele caia em desgraça. Um ano depois, Kira está prestes a se casar com a filha de Lorde Asano e Kai parte para salvar a honra da sua casa de criação. 

Mesmo não sendo o melhor filme dessa lista, ainda é uma boa pedida para quem gosta do gênero.

 

4 – Harakiri (1962)


Uma obra prima do diretor Masaki Kobayashi, Harakiri conta a história de Hanshiro Tsugumo, um samurai desempregado e já muito pobre que procura a casa do poderoso clã LI para pedir sua permissão para cometer o Harakiri, ou Seppuku, um ritual suicida japonês. Na tentativa de dissuadi-lo, Saitô lhe conta a história de outro samurai que viveu na casa e também cometeu o mesmo ato com uma espada de bambu, já que a sua havia sido vendida para sustentar a mulher e o filho desse antigo samurai. A história é narrada em flashbacks e conta com uma fotografia muito bonita. Além disso, para quem gosta do tema, Harakiri é obrigatório!

(Seppuku e Harakiri são termos utilizados no Japão para o ritual de suicídio. ‘Hara’ significa barriga e ‘kiri’, corte, ou seja, o suicido é feito através de um corte na barriga.)

 

3 – 13 Assassinos (2010)

Outro filme muito bom de samurais e dirigido por Takashi Miike, conta a história de 13 Assassinos contratados para eliminar um líder local que por ser protegido pelas autoridades, comete inúmeras atrocidades. Apesar de uma cena bem forte no inicio do filme, que mostra um seppuku, a ação acontece mesmo na luta final, onde vemos a qualidade da filmagem e montagem do filme. Ainda assim, é uma história muito bem contada e merece a sua atenção.

 

2 – O Último Samurai (2003)

O Último Samurai é, com certeza, o grande acerto hollywoodiano no tema. Tom Cruise é Nathan Algren, um capitão norte americano enviado ao Japão para treinar as tropas do imperador Meiji que enfrenta uma batalha contra os últimos samurais que ainda vivem na região. Porém, depois de capturado pelo inimigo, Algren aprende o código de honra dos samurais e começa a se questionar sobre que lado apoiar. Como a grande maioria dos filmes japoneses, as cenas são muito bonitas. O filme conta com a ótima direção de Edward Zwick, que cinco anos depois dirigiu o ótimo Um Ato de Liberdade. O roteiro é de John Logan, criador da série Penny Dreadful e roteirista de Gladiador (2000). Este é mais um filme que merece ser revisto, quantas vezes você quiser.

 

1 – Os Setes Samurais (1954)

Dirigido por Akira Kurosawa, um dos cineastas mais importantes do Japão e da história do cinema, Os Sete Samurais narra a história de uma aldeia indefesa que é constantemente saqueada. Os aldeões contratam sete ronins (samurais sem mestre) para proteger a aldeia e ensinar os moradores a se defenderem. A obra, além de ser uma das mais importantes do cinema japonês é também uma das mais importantes do cinema mundial. É considerado o primeiro filme de ação com técnicas novas como o slow motion, e também é uma recriação do caos politico e social no Japão do século XVI, com um desfile de valores pessoais e comunitários. Sem dúvidas é um clássico antológico obrigatório, não apenas para quem gosta do gênero, mas para todos os amantes da sétima arte.

 

Menção Honrosa – O Tigre e o Dragão (2001)

Esse não é japonês e nem fala de samurais, mas é um filme maravilhoso. Pedindo licença à essa lista e destacando O Tigre e o Dragão (China), um longa oriental de alta qualidade. Ao invés de samurais, o filme traz guerreiros que desafiam a gravidade o tempo inteiro com lutas maravilhosas, filmadas pelo incrível diretor Ang Lee (O Segredo de Brokeback Mountain). O filme apresenta protagonistas inusitados e incomuns no cinema oriental: duas mulheres, lutadoras e que tem seus destinos tocados no meio da Dinastia Ching. Uma tenta se ver livre do constrangimento imposto pela sociedade local, mesmo que isso a obrigue a deixar uma vida aristocrática por outra de crimes e paixão. A outra, em sua cruzada de honra e justiça, apenas descobre as consequências do amor tarde demais. Também vale a pena assistir.

Gostou da lista? Sentiu falta de um outro grande filme do gênero? Comente com a gente, quem sabe fazemos uma segunda edição da lista.

Compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Email this to someone

Comentários

Antiga colaboradora do site.

Você também pode gostar