Imagem: Banco de Séries
Imagem: Banco de Séries
Imagem: Banco de Séries

Vamos concordar pessoal, o assassino do momento torna-se cada vez mais interessante. O jogo psicológico que ele têm feito diretamente com Audrey e indiretamente com os outros 4 sobreviventes de Lakewood têm dado um toque especial no enredo dessa temporada. Parece que além de assassinar alguns ali, e tortura outros “acolá”, sua missão “extra” é fazer Emma se lembrar de algo importante de sua infância. A chave para acabar com todas as mentiras e mistérios do passado? Talvez sim, ou apenas está plantando mais mentiras!

Mas vamos por partes! Com a chegada do aniversário de Kieran o alarme de festa começa a soar, mas o rapaz quer algo simples e íntimo, onde possa aproveitar a companhia de sua namorada sem interrupções de terceiros. E onde fica a animação? Por conta de seu primo Eli, que manipula Emma, e convence a moça que o melhor presente que seu namorado deseja é uma grande festa (surpresa é claro) com muita bebida, música, comida e praticamente a escola toda.

Quando ouvimos a palavra “festa” em Scream já nos vêm a mente morte, perseguição, sangue e Ghostface. Sim, ele deu o ar de sua graça, sendo aquele tipo de convidado que marca a festa, tornando tudo “inesquecível”, além de ter sido sofisticado, inteligente e intrigante.

Por causa de um presente muito especial enviado para Kieran, nossos sobreviventes, e os novatos de Lakewood, sofrem um surto de alucinações, onde seus piores medos, segredos e lembranças surgem na superfície, mas esses devaneios parecem tão reais, que trazem para dúvidas sobre a saúde mental de Emma e as mentiras que envolvem o passado da garota.

Esse episódio pode ser considerado “intenso”. Eli têm se mostrado cada vez mais suspeito (não cobiçaras a mulher do próximo meu rapaz), ouvindo conversas sem ser convidado, distribuindo sorrisinhos cínicos e mentindo descaradamente (temos um assassino, outro cúmplice ou só aproveitador metido a esperto? Dúvidas, dúvidas!). Andrey, Noah e Zoe foram os que mais “aproveitaram” as comemorações, eles protagonizaram uma das cenas que mais causaram “espanto” desde o teaser disponibilizado na semana que antecedeu o episódio. Vamos dizer que eles formam um belo trio, com muito harmonia, parece que se entendem bem (muito bem). Mas o melhor momento da “festa” (na minha opinião) ficou com a nossa mocinha Emma, não sei o que a infância dessa garota esconde ou como funciona a mente dela, mas essas “visões do passado” tornou sua participação nessa 2?temporada bem mais interessante.

Com o aniversário de Kieran chegando ao fim (e que aniversário diferenciado e inesquecível hein meu rapaz), várias pistas foram jogadas sobre o possível assassino e o passado misterioso que envolve Brandon James, Troy James, Meg, Emma e seu pai. Verdadeiras ou não, me digam vocês, eu prefiro esperar um pouco mais antes de expressar minhas teorias.

Imagem: Banco de Séries
Imagem: Banco de Séries

As referências não param por aí, depois de uma noite literalmente alucinante, temos outro evento muito importante na cidade, o concurso Dama do Lago. Nossa querida Brooke uma das concorrentes e finalista é convidada à subir ao palco, e no melhor estilo Carrie – A Estranha, temos a melhor revelação de corpo já vista na série, e eu achando que seria só o sangue da vítima sendo derramado (bobinha).

Happy Birthday To Me veio iniciar uma contagem regressiva, agora que nossos sobreviventes sabem que a morte voltou a persegui-los, quais serão as reações deles em relação ao assassino? Estou tão ansiosa quanto vocês para descobrir. Agora sim podemos dizer que comece a perseguição. Quem vai sobreviver a essa season 2? Façam suas apostas, o Matinê Cine & TV, já tem seu palpite!

Ghost¹: A desconfiança de que Piper Shaw não é a pessoa que iniciou essa “lista da morte” fica cada vez mais forte, espero estar errada, e que me surpreendam com um bom argumento. Surpresa é sempre melhor!

Nota do autor para o episódio:

[yasr_overall_rating size=”medium”]

COMPARTILHAR
Pedagoga, apaixonada por livros, filmes e séries que envolvam muito mistério, romance e ficção. Dorameira assumida que descobriu as maravilhas cinematográficas do continente asiático!