Emmy Awards 2016 | Quem pode vencer a categoria de ‘Melhor Séries Limitada’?

0
1
Compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Email this to someone

emmy-arts-02

68ª Edição Anual dos Primetime Emmy Awards está chegando, e amanhã (domingo) o mundo das séries vai parar para conhecer as grandes vencedoras do Oscar da TV norte-americana. O Matinê Cine&TV não poderia deixar de dar o seu pitaco e mostrar as nossas apostas sobre quem serão, ou podem ser, os vencedores das principais categorias da premiação. Dessa vez vamos falar um pouco sobre a categoria de Melhor Série Limitada, uma das mais acirradas que teremos amanhã.

No páreo temos três séries excelentes e duas ótimas produções correndo por fora. Uma delas é a segunda produção com o maior número de indicações, ficando atrás de apenas de Game of Thrones, que tem 23 três indicações ao total. The People vs. O.J. Simpson: American Crime Story chega com 22 nomeações nas categorias do Emmy 2016 com sua temporada de estreia, seguida de Fargo (com 18 indicações), American Crime, Roots e The Night Manager.

Dessa vez farei uma matéria um pouco mais detalhada, pois tenho a convicção de as chances de vencer são maiores para American Crime Story, mas que são quase iguais as de Fargo. Chegando logo atrás temos American Crime. Com essas três nós podemos ter certeza de uma coisa: as antologias estão dominando cada vez mais a TV, quando o quesito principal é qualidade. Todas as três são séries excelentes, no caso de Fargo e American Crime, ambas cumpriram com o que se esperava, no mínimo, delas, mas o fato é que ACH é a grande surpresa da temporada 2015/2016 sendo uma das melhores séries deste ano.

Sendo mais uma das séries de Ryan Murph desenvolvida junto com Scott Alexander, Larry Karaszewski e outros nomes, American Crime Story mostrou o que de melhor o showrunner tem, e se tem algo que Murph sabe fazer é comandar um show repleto de estrelas. No elenco de ACH temos Cuba Gooding Jr., John Travolta, David Shwimmer, Cortney B. Vance, Sarah Paulson (todos eles foram indicados nas categorias de melhores atores, principais e coadjuvantes) e outros nomes bastante conhecidos. Isso facilitou 80% do trabalho da série, com um elenco de ouro como este seria quase impossível a história dar errado, e verdade seja dita: ACH deu ainda mais certo do que já se esperava. Para mim é sem sombra de dúvida a grande favorita e, talvez, a provável vencedora da categoria.

Acredito que somente Fargo consiga desbancar esse favoritismo de ACH, a nível de qualidade é a única que consegue se igualar, ou até mesmo, superar a série. Mesmo que minha aposta não seja em Fargo, para mim não seria surpresa a série dos irmãos Coen ser a vencedora da categoria. Fargo é uma antologia diferenciada, todas as suas temporadas, até o momento, são excelentes e cheias de diferencias e peculiaridades. Por outro lado American Crime, que também é uma antologia criminal de primeira linha, tem uma narração muito diferente das outras duas, e se ganhar pode ser uma das surpresas da noite. Fato é que dentro das três favoritas American Crime tem menos chances que as outras duas.

Por fora correm The Night Manager e Roots, ambas tem qualidade, mas não coloco-as como favoritas. The Night Manager é muito boa em seus episódios finais, pois é uma minissérie de 6 cansativos episódios. É construída na base do clichê, que dá certo e sempre funciona, não apresenta nada de extraordinário ou inovador, mas tem um elenco que faz a diferença, sendo protagonizada por Tom Hiddleston (Os Vingadores) e Hugh Laurie (Dr. House). Se ganhar, será a zebra de 2016, assim como Roots, uma minissérie produzida pelo History, muito interessante, mas que perde em qualidade para outras. É uma surpresa já ser indicada para a premiação, e mesmo que muitos acusem o Emmy de panelinha, temos que reconhecer que o Oscar da TV não é “preconceituoso” como a academia de Oscar (do cinema) tem se mostrado nos últimos anos pela falta de diversidade entre seus indicados. A minissérie é composta por apenas 4 episódios e é um remake da primeira adaptação da história de Alex Haley, mostrando a superação de escravos na América Latina. É uma produção de impacto, e a que tem menos chances de vitória no Emmy.

Para finalizar vou deixar claro que minha candidata nessa categoria é American Crime Story e sua primeira temporada sobre o famoso julgamento do século. Seguida, ou acompanhada, por Fargo que tem as maiores chances de vencê-la, e com American Crime podendo fazer bonito também. Essas são as nossas apostas para a categoria de Melhor Série Limitada do Emmy Awards 2016.

E aí, quais são as suas apostas? Lembrando que o Emmy irá ser transmitido neste domingo às 20h30 pelo Warner Channel, com a apresentação de Erico Borgo e Aline Diniz, ambos do site Omelete, e também com Carol Moreira participando e entrevistando os famosos, direto do tapete vermelho.

 

Compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Email this to someone