Imagem: Banco de Séries
Imagem: Banco de Séries
Imagem: Banco de Séries

Lidar com os próprios demônios é uma tarefa difícil até para os seres que se consideram superior aos humanos. Em Monster, Lucifer está de luto se martirizando por suas escolhas e perdas, tendo atitudes irracionais e egoístas que estão interferindo no seu relacionamento com os outros.

O caso dessa semana começou com um casamento temático, onde todos estavam caracterizados de zumbi e após o sim dos noivos surgiu um cadáver de verdade, o da noiva – morta por um tiro certeiro no peito. O interessante nos episódios de Lucifer é a relação entre a motivação dos assassinos ou os segredos das vítimas com os conflitos e traumas de Lucifer. É quase como se o Pai usasse essas situações para ensinar seu filho.

Ver a decadência de Lucifer trouxe um ar mais humanizado ao anjo caído, pois ele é definido por não sentir remorso e ter prazer na morte por ser o rei do inferno, mas caiu em uma crise existencial por ter matado seu irmão Uriel. Além disso tivemos vestígios daquela relação entre Chloe e Lucifer, tão forte na primeira temporada. Onde foi possível observar Chloe tentando uma reaproximação, se colocando como amiga, se oferecendo para escutar sobre as dores de Lucifer. Demonstrando que sabe diferenciar as facetas do seu egocêntrico parceiro, que consegue ver além das piadas irônicas e atitude irreverente.

Enquanto isso, também vemos um outro lado de Maze. Mesmo tentando transparecer indiferença em relação aos humanos, foi atingida pela inocência de uma criança. Influenciada pelo clima de Halloween, Maze resolveu (praticamente obrigada) entrar na brincadeira “doces ou travessuras” e sua expressão de alegria por ter sido aceita pela Zoe (filha da Chloe) só demonstra a carência escondida por baixo de tanto couro e atitudes agressivas.

Lucifer não teve tanta sorte assim. Após seu período de luto, ele tomou a decisão de mostrar a verdadeira “face de Lucifer” para sua terapeuta, mas a reação não foi a esperada. É difícil admitir que é preciso viver disfarçado, para não correr o risco da verdadeira aparência ser comparada a de um monstro, pelas pessoas queridas. E isso só confirma que ele deve continuar escondendo sua verdadeira identidade de Chloe, enquanto ela acreditar que é tudo metáfora e ficção, ele não corre o risco de perdê-la.

A série está sendo transmitida toda segunda-feira, pela FOX dos Estados Unidos.

Avaliação

[yasr_overall_rating size=”medium”]

COMPARTILHAR
Pedagoga, apaixonada por livros, filmes e séries que envolvam muito mistério, romance e ficção. Dorameira assumida que descobriu as maravilhas cinematográficas do continente asiático!