Crítica | Shadowhunters – 02×04/ 02×05 – Day of Wrath/ Dust and Shadows

Compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Email this to someone
Imagem: Banco de Séries

Após os acontecimentos emocionantes e surpreendentes de Parabatai Lost (leia a crítica), o mal se infiltrou dentro do instituto, cegando até o mais leal dos homens e fazendo corações pararem.

Day of Wrath é um episódio para quebrar um pouco os paradigmas presentes na história e demonstrar a força e a fraqueza de alguns personagens nessa nova temporada. Com Jocelyn sendo transferida para Idris, Clary se vê em um grande dilema, principalmente após Jace ter rejeitado sua aproximação. Falando na ovelha desgarrada, o guerreiro protagoniza uma das cenas mais marcante do episódio. Durante seu julgamento, percebemos que a verdade é algo difícil de ser admitida em voz alta e que ele não está mais disposto a ser manipulado.

Enquanto isso, Valentine consegue infiltrar um demônio dentro do instituto, um monstro que usa a raiva e ressentimentos para matar. Durante essa matança somos surpreendidos com acontecimentos alarmantes. Além de uma morte não esperada, Clary mostra a Alec que merece o título de Shadowhunters, e que não é mais uma garotinha imatura e assustada.

Corações arrancados, Clary correndo para os braços de Simon, Jace sendo perdoado e demonstrando sentimentos conflitantes por sua irmã, e assim, Day of Wrath, deixa um ótimo gancho para Dust and Shadows – o 5° episódio da temporada.

A dor de perder alguém pode cegar o bom senso. A culpa faz com que Alec se aproxime mais de Clary, envolvendo-o no plano maluco de tentar ressuscitar sua mãe. Mesmo com todos os avisos de Jace, sobre invocação de demônios e outras coisas, a garota não dá ouvidos e acaba se tornando alvo de um esquema envolvendo bruxas e uma espécie de barriga de aluguel demoníaca.

Imagem: Banco de Séries

Shadownhunters tem demonstrado uma melhora impressionante, seja no aspecto visual na série ou na atuação dos atores. Quando se trata da atuação, é preciso admitir que ainda falta muito para ficar realmente bom, mas comparado ao que já conhecemos, é evidente a evolução da segunda temporada.

A cada episódio trás um detalhe que instiga a curiosidade sobre o caminho que a série está tomando. Como por exemplo, Clary descobrindo suas habilidades “especiais”, cheguei a ficar preocupada por um momento em relação à como isso seria introduzido no novo ano de Shadowhunters e sinceramente, agradou bastante como eles fizeram acontecer. Ou vê Izzy sendo manipulada e se deixando contaminar pela maldade, tudo para demonstrar força e proteger aqueles que ama, mesmo que isso signifique sair prejudicada no final.

Shadowhunters está montando uma trama cada vez mais interessante e animadora, deixando uma ótima expectativa sobre a segunda parte da nova temporada.

Avalição

 (Ótimo)

Compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Email this to someone

Comentários

Estudante de Pedagogia, apaixonada por livros, filmes e séries que envolvam muito mistério, romance e ficção. Na sua lista de favoritos estão: Supernatural, Criminal Minds, Once Upon a Time, Bones e Scream.
Sempre em busca de novas aventuras e emoções, o que significa que essa lista ainda vai crescer, e muito!

Você Também Pode Curtir