Especial Doramas: 5 K-dramas ótimos para iniciantes

Compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Email this to someone

A Matinê  Cine&TV sempre busca produzir o melhor conteúdo para o seu público e para iniciar oficialmente a categoria dos doramas no site resolvemos indicar 5 K-dramas (doramas coreanos)para você que está pensando em conhecer esse novo gênero. Confira:

Noble, My Love (2015)
Imagem: Reprodução/YouTube

Uma ótima mistura de comédia, romance e drama, e está disponível na Netflix. Composto por 20 episódios (de 15 a 20 minutos de duração), Noble, My Love conta história de Cha Yoon Seo (Kim Jae Kyung), uma veterinária dedicada que ama sua profissão. Uma noite ela encontra um homem ferido e decide levá-lo para sua casa e tratá-lo. Esse homem é Lee Kang Hoon (Sung Hoon), o CEO de uma grande empresa, que, agradecido, decide pagar de volta o favor, e é ai que começa a confusão. Noble, My Love é o clichê “garota pobre que se apaixona pelo cara rico” (mas não por causa do dinheiro). Mesmo com todos os inúmeros clichês, você fica envolvido pela trama e a grande culpa disso é dos personagens. As suas personalidades e opiniões conflitantes proporcionam ótimas cenas de comédia, além de Kim Jae KyungSung Hoon terem uma química surpreendente, e quando o romance começar a surgir não ficam duvidas de que eles estavam destinados a ficarem juntos.

Oh My Vênus (2015)
Imagem: Reprodução/IMDb

Oh My Vênus é uma de mistura comédia e romance, enquanto fala de assuntos importantes como obesidade, rejeição, auto-descoberta e ainda demonstra um contexto social das mulheres coreanas de forma sutil. O K-drama é composto por 16 episódios com média de 60 minutos de duração, que, particularmente, você nem sente. O enredo gira em torno de Kang Joo Eun (Shin Min Ah) que para sustentar a família, tornou-se uma advogada viciada em trabalho sem qualquer consideração pelo seu bem-estar pessoal, ficando com excesso de peso, sem atrativos e deprimida no auge da sua vida. Após ser rejeitada pelo noivo e sofrer várias consequências na sua saúde, Joo Eun vai atrás de Kim Young Ho (So Ji Sub), um personal trainer renomado que considera a saúde a principal qualidade das pessoa e uma questão de bem-estar pessoal. Shin Min Ah, rouba totalmente a cena como protagonista feminina, arrancando lágrimas e sorrisos com a mesma intensidade e facilidade. As cenas com So Ji Sub são incrivelmente bonitas e convincentes, desde as brigas, situações inusitadas ao inicio do romance. São duas pessoas opostas que começam admirar os sacrifícios de cada um, se tornando parceiros nessa jornada de superação.

Descendants of the sun (2016)
Imagem: Reprodução/IMDb

Também presente no catálogo da Netflix,  Descendants of the sun foi um dos doramas mais elogiados de 2016, sua popularidade rendeu diversos prêmios na Coréia do Sul, principalmente pela atuação do casal protagonista Song Joong-ki e Song Hye Kyo, batizados carinhosamente pelos fãs de Song-Song. Yoo Si-jin (Song Joong-ki) é o capitão das forças especiais e se envolve em uma situação que o leva a uma sala de emergência, onde encontra Kang Mo-yeon (Song Hye-kyo) pela primeira vez. Ele se apaixona por ela imediatamente e após alguns desentendimentos, Si-jin e Mo-yeon começam a namorar, mas por causa dos seus empregos o namoro sofre interrupções e os dois acabam se afastando. Mesmo assim, o destino parece fazer de tudo para juntar os dois, e após meses, eles voltam a se encontrar. É um drama misturado com comédia, aventura, tragédias e muita ação. As sequências de perseguições e sequestros deixam tudo bem mais emocionantes e são nesses momentos que os protagonistas percebem a importância do amor dos dois e começam a buscar meios de lutar para ficarem juntos. Descendants of the sun é composto por 16 episódios com média de 60 minutos de duração cheios de explosões, lutas, romance e lágrimas.

Goblin: The Lonely and Great God (2017)
Imagem: Reprodução/IMDb

O dorama mais surpreendente de 2017, com uma fotografia incrível, efeitos especiais maravilhosos, trilha sonora impactante e elenco impecável, de uma qualidade técnica que as vezes faltam até palavras para descrever a grandiosidade dessa produção. São 16 episódios de uma hora, disponíveis no DramaFever. Goblin: The Lonely and Great God, conta a história de Kim Shin (Gong Yoo) um Goblin responsável por proteger as almas humanas que após séculos de existência está buscando uma forma de morrer. Ele é obrigado a viver com um ceifador (Lee Dong-wook) que perdeu a memória da sua vida passada e busca um jeito de recuperá-la. Certo dia, Kim Shin conhece uma garota, Ji Eun-tak (Kim Go-eun), que sofre diversas tragédias em sua vida, mas está destinada a ser a noiva do Goblin, sendo a única que pode conceder o seu grande desejo de morrer. Ela tem a habilidade ver e falar com fantasmas e isso muitas vezes causa situações bem perturbadoras. A sinopse não faz jus as emoções e reviravoltas desse drama. Todo o elenco principal é essencial para o desenvolvimento da história, eles fazem rir, chorar, gritar de raiva e ficar com o coração partido.

The Heirs (2013)
Imagem: Reprodução/IMDb

Esse pode ser o responsável pelo estopim dos doramas no Brasil, por isso, ele não poderia ficar de fora da lista. Considerado como o Gossip Girl da Coréia, The Heirs é estrelado por Leen Min Ho e Park Shin Hye (guardem esses nomes, pois além de terem a melhor química nas telas (e fora delas), cada cena que esses dois fazem juntos é um presente dos céus), grandes atores da nova geração coreana. The Heirs é uma comédia romântica sobre os herdeiros que compõem aquele 1% da alta sociedade na Coréia do Sul, e por diversas situações do destino,uma garota de classe baixa acaba se envolvendo nesse mundo cruel e consumista, tendo que lutar para não ser esmagada pelo poder do dinheiro. É um drama que vai além dos personagens principais e consegue discutir traumas e dramas familiares. Sendo assim, o relacionamento de Tan e Eun Sang se desenvolve em meio a muita confusão, lágrimas, amores não correspondidos e situações constrangedoras, onde o berço social e o dinheiro ditam as regras na vida dos jovens. Com 20 episódios, The Heirs pode ser encontrado na plataforma DramaFever, com 4 episódios disponíveis para não assinantes.

Menção honrosa 1: Good Morning Call (J-drama, Japão, 2016)
Imagem: Reprodução/IMDb

Esse dorama faz parte do catalogo atual da Netflix e tem o selo da plataforma, por ser uma produção em parceria com a Fuji Television, emissora do Japão. Na trama, Yoshikawa Nao (Fukuhara Haruka) está no último ano do colegial e por circunstâncias familiares ela precisa tomar a difícil decisão de morar sozinha. Tentando se acostumar com a ideia, quando chega ao novo apartamento, a garota tem uma grande surpresa ao descobrir que o mesmo apartamento também foi alugado por outra pessoa, o mau-humorado, Uehara Hisashi (Shiraishi Shunya), seu colega de colégio. No início, Uehara não aceita morar junto com Nao, mas diversas situações fazem que o garoto mude de ideia e aceite que durante esse tempo eles terão que morar juntos, sem que ninguém descubra. E durante essa jornada de auto-conhecimento e descobertas  eles acabam se apaixonando. É um clichê bem bonitinho e nada cansativo. O mais interessante sobre esse J-Drama é que ele é baseado em um mangá do mesmo nome, Good Morning Call, de Takasuka Yue, publicado entre 1997 a 2002, com 11 volumes. Em 2007, a autora publicou a continuação, Good Morning Kiss, com 14 volumes lançados. São 17 episódios com duração de 49 minutos, com romance, personagens carismáticos, cenas delicadas entre os protagonistas e dilemas característicos da cultura japonesa.

Menção Honrosa 2: Bromance (T-drama, Tailândia, 2015)
Imagem: Reprodução/IMDb

Bromance é um dorama com um enredo “incomum” e que constrói sua história com muita delicadeza. São 19 episódios, sendo que o último é um especial com cenas deletadas e bastidores. A história segue Pi Ya Nuo (Megan Lai) foi forçada a viver como homem por 25 anos, após seus pais receberem o conselho de um vidente na época do seu nascimento. No ano que finalmente completará 26 anos de idade – o dia em que poderia passar a viver como mulher – ela acaba salvando Du Zhi Feng (Baron Chen), um chefe da máfia que foi pego em uma emboscada. Por causa disso, Du Zhi Feng, como forma de gratidão, torna-se o irmão de juramento de Ya Nuo e eles começam a construir uma amizade que os leva a descobrir um novo sentimento. Com o surgimento desses novos sentimentos, os inimigos que os cercam e a proximidade do dia da revelação, Ya Nuo se vê obrigada a decidir se continuará escondendo seu segredo ou não.

Compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Email this to someone

Comentários

Estudante de Pedagogia, apaixonada por livros, filmes e séries que envolvam muito mistério, romance e ficção. Na sua lista de favoritos estão: Supernatural, Criminal Minds, Once Upon a Time, Bones e Scream. Sempre em busca de novas aventuras e emoções, o que significa que essa lista ainda vai crescer, e muito!

Você também pode gostar