O Homem das Cavernas
Reprodução/IMDb

O Homem das Cavernas faz referências interessantes à valores que hoje estão sendo esquecidos. Embora desajeitado, mas vivendo com tão pouco, Doug desperta sentimentos de alegria e coragem. Sua inocência ao enfrentar a realeza sem medo, desperta seus companheiros para reconquistarem o seu vale.

Lord Nooth toma de Doug e sua tribo o único bem precioso que possuíam, e O Homem das Cavernas não deixou por menos, propondo, então, uma partida de futebol. Os que vencerem ficam com o vale. A tribo das cavernas mal conhece uma bola de futebol ou viu algum tipo de partida. Com o sentimento de união e força todos se engajam a treinar para o jogo contra Os Bronze, time adversário.

O Homem das Cavernas desperta o quanto estamos vivendo em meio há possibilidades de ostentação, deixando de lado o que realmente importa. Estando em uma época avançada tecnologicamente, mas pré-histórica em valores que realmente possam fazer a diferença na sociedade.

Assim, o longa mostra que permanecemos desunidos e não nos colocamos em campo para atacar quem nos está faz mal. Não nos damos o trabalho de lutar por aquilo que queremos e que realmente importa. O Homem das Cavernas traz cenas engraçadas e descontraídas onde até mesmo o coelho que está sendo caçado entra na dança junto com a tribo. Esses pequenos detalhes tornam o filme muito rico, pois são dos sentimentos de união, amizade, admiração e coragem que precisamos reforçar o aprendizado de nossas crianças.

Avaliação
Avaliação: Bom
7.0
COMPARTILHAR

Comentários