Cinema - Foto de Julien Andrieux via Unsplash
Foto de Julien Andrieux via Unsplash

A distribuição de Vingadores: Ultimato foi motivo de debate nas redes sociais desde a estreia do filme no dia 25 de abril. A discussão ressaltava a quantidade de salas em que o filme da Marvel/Disney estava sendo exibido no país, tendo cinemas com todas as suas salas passando o longa – ao todo, o longa ocupou 80% das salas de cinema no Brasil.

Na última segunda-feira, 06 de maio, Osmar Terra (Ministro da Cidadania) assinou um documento que determina uma Cota de Tela para filmes nacionais (via Estadão). Com isso, os filmes brasileiros tem espaço de exibição garantido nos cinemas.

A medida será publicada pelo Diário Oficial da União, depois encaminhada para a Casa Civil, que por sua vez enviará o documento para o Presidente da república, Jair Bolsonaro.

A garantia, que confirma a reserva de salas, é renovada ano a ano pelo governo. Em 2018, o documento não foi assinado pelo então Ministro da Cultura, Sérgio Sá Leitão, e nem pelo ex-Presidente Michel Temer.

COMPARTILHAR
Criador da Matinê, está no 6º semestre do curso de jornalismo no Centro Universitário Ritter dos Reis - UniRitter. Aqui escrevo sobre filmes e séries a partir da minha perspectiva de mundo, sem medo de mostrar a todos o meu entendimento pessoal daquilo que assisto. O debate de pontos de vistas diferentes é livre, e sempre bem-vindo.