Série Julie and the Phantoms da Netflix | Imagem: Divulgação/Netflix
Série Julie and the Phantoms da Netflix | Imagem: Divulgação/Netflix

Não é novidade que a Netflix busca constantemente incluir novos conteúdos em seu catálogo com o objetivo de manter e atrair novos olhares. Entre cancelamentos e novas produções, Julie and the Phantoms estreou na última quinta-feira, 10, no serviço de streaming e para os brasileiros que viveram a dramaturgia adolescente de 2011, o lançamento pode trazer bastante nostalgia.

Por isso, a Matinê separou sete fatos sobre a versão original e da releitura feita por Kenny Ortega de Julie e os Fantasmas.

1 – Origem brasileira

Julie (Mariana Lessa) e os fantasmas (2011) | Imagem: PrintScreen/YouTube

Julie and the Phantoms é um remake americano da série brasileira “Julie e os Fantasmas”, produzida em 2011 pela Mixer em parceria com a Rede Bandeirantes e a Nickelodean Brasil. Por ser uma produção televisiva, originalmente foi exibida pelo canal aberto Band e pela Nickelodeon no tv à cabo. O seriado teve duas temporadas exibidas entre outubro de 2011 a maio de 2012. No ano de estreia ganhou o prêmio de “melhor programa infanto-juvenil” no Troféu APCA, realizado pela Associação Paulista de Críticos de Arte.

2 – Músicas originais

A música é um elemento constante e essencial para o desenvolvimento da série. Ao longo da produção de 2011, foram desenvolvidas 14 faixas originais, entre elas, a abertura “Julie” que foi interpretada por Lu Andrade, integrante do grupo Rouge. Manu Gavassi também fez parte do projeto através da composição da canção “Invisível”, uma parceria com o produtor musical Rick Bonadio.

Além de trazer canções originais, as músicas do remake são os títulos dos nove episódios da primeira temporada. A promessa é de músicas marcantes e envolventes, ajudando nas emoções transmitidas durante a trama, mas que funcionam também de forma individual, podendo fazer parte das playlist dos espectadores.

3 – Enredo

Na série, Julie (Madison Reyes), é uma adolescente que está no ensino médio e se afasta da música após a morte de sua mãe. Mas isso muda após encontrar acidentalmente três fantasmas músicos, mortos há 25 anos. Luke (Charlie Gillespie), Reggie (Jeremy Shada) e Alex (Owen Patrick Joyner), morreram muito jovens e precisam encerrar seus assuntos inacabados. Sem saber como Julie pode vê-los, descobrem que podem ser vistos pelos vivos ao cantarem junto com a garota.

Buscando superar os desafios enquanto lidam com assuntos delicados, como a morte e o luto, o quarteto começa a sua jornada para recuperar a vontade de cantar de Julie e descobrir o motivo da permanência dos fantasmas na Terra. 

O produtor Kenny Ortega afirmou ao Entertainment Tonight que tentou se manter fiel à série brasileira, incluindo uma protagonista de origem latina e com aspectos que tornassem ela uma jovem que as pessoas podem se identificar com facilidade.

4 – Kenny Ortega

Kenny Ortega (esquerda), Vanessa Hudgens (centro) e Zac Efron (direitra) nos bastidores de High School Musical: Ano da Formatura| Imagem: Reprodução/IMDb

Alguns até podem não reconhecer o nome Kenny Ortega, mas com certeza já ouviram falar ou assistiram High School Musical e Descendentes. Responsável por produções televisivas musicais de sucesso e por alguns trabalhos com Michael Jackson, o produtor é o grande nome por trás do remake e espera que a atual série siga os passos dos seus antigos trabalhos.

Ortega é conhecido por lançar grandes musicais, por isso existe a possibilidade de futuras notícias sobre lançamentos de disco da banda da série e até mesmo de turnês depois da pandemia. Mas tudo isso vai depender do sucesso da série da Netlix.

5 – Madison Reyes

Julie and the Phantoms – Julie (Madison Reyes), Luke (Charlie Gillespie), Reggie (Jeremy Shada) e Alex (Owen Joyner)| Imagem: Reprodução/IMDb 

Foram mais de 700 audições ao redor do mundo e mais de 300 fitas com testes enviadas até encontrar a talentosa Madison Reyes, que protagoniza a nova versão. Na época a atriz de origem latina, tinha apenas 14 anos, mas surpreendeu pelo seu talento tanto no canto quanto na atuação.

6 – Elenco

Julie and the Phantoms – Julie (Madison Reyes), Luke (Charlie Gillespie), Reggie (Jeremy Shada) e Alex (Owen Joyner)| Imagem: Reprodução/IMDb 

A química do elenco principal é um ponto forte da série, Madison Reyes e Charlie Gillespie (Luke) entregam um os melhores duetos da trama. Quando os dois cantam juntos as vozes se completam e a atuação é apaixonante. Além disso, o núcleo da família de Julie e sua relação com os fantasmas mostram a importância dos laços fraternos.

Julie (Madison Reyes), Luke (Charlie Gillespie), Reggie (Jeremy Shada) e Alex (Owen Joyner) são um quarteto talentoso. Os atores cantam, dançam e tocam instrumentos; suas vozes são harmoniosas e é nítido que eles construíram um bom relacionamento.

Ortega contou para a Entertainment Tonight que Gillespie ( Charmed ), Shada ( Adventure Time ) e Joyner ( Knight Squad) eram relativos desconhecidos, mas que tocavam instrumentos ou cantavam em alguma banda. “Eles não são apenas atores, músicos e cantores fortes”, disse Ortega. “Mas eles são caras inspiradores e você podia ver isso quando eles estavam fazendo testes”, completou a atriz.

7 – Fórmula High School Musical

High School Musical 2| Imagem: Reprodução/IMDb

Por ser do mesmo diretor e produtor de High School Musical (2010), Julie and the Phantoms tem várias referências ao musical adolescente na trama. Além de músicas que lembram muito o estilo dos filme, o mascote da escola de Julie que é uma homenagem aos wildcats. A cena musical no corredor da escola, o dueto de dança entre o casal principal e alguns elementos em cena lembram momentos clássicos dos filmes da trilogia protagonizada por Zac Efron e Vanessa Hudgens. Então se você é um fã da trilogia, certamente vai se apaixonar pela nova produção de Kenny Ortega.

Os episódios da nova versão são curtos, com cerca de 30 minutos de duração. A primeira temporada de Julie and the Phantoms conta com nove capítulos e já está disponível na Netflix.

COMPARTILHAR
Pedagoga, apaixonada por livros, filmes e séries que envolvam muito mistério, romance e ficção. Dorameira assumida que descobriu as maravilhas cinematográficas do continente asiático!