Olivia Colman como Rainha Elizabeth na 4ª temporada de The Crown | Liam Daniel / Foto de Produção (Netflix)

A Critics Choice Assossiation (CCA) divulgou durante esta segunda-feira, 18, os indicados ao 26º Criticis Choice Awards nas categorias de televisão. A premiação da crítica vai divulgar os nomeados do cinema no dia 08 de fevereiro. A cerimônia que revelará os vencedores acontece no dia 07 de março, e a CCA anunciará o formato da noite dos ganhadores nas próximas semanas.

Para o ano de 2021, a Netflix foi a emissora/streaming com o maior número de indicações, 26 no total. Logo atrás, e sempre forte na Awards Season da TV, está a HBO com 24. O canal FX foi o terceiro com mais nomeações, somando ao todo 14.

As séries The Crown e Ozark, ambas da Netflix, receberam um total de seis indicações cada. As comédias What We Do in the Shadows e Schitt’s Creek chegam logo atrás com cinco nomeações. O drama Lovecraft Country (HBO) e a minissérie Mrs. America (FX) também tiveram cinco indicações.

Veja os indicados ao Critics Choice Awards 2021 nas categorias de TV

Melhor Série Dramática

Better Call Saul (AMC)
The Crown (Netflix)
The Good Fight (CBS All Access)
Lovecraft Country (HBO)
The Mandalorian (Disney+)
Ozark (Netflix)
Perry Mason (HBO)
This is Us (NBC)

Melhor Ator em Série Dramática

Jason Bateman – Ozark (Netflix)
Sterling K. Brown – This Is Us (NBC)
Jonathan Majors – Lovecraft Country (HBO)
Josh O’Connor – The Crown (Netflix)
Bob Odenkirk – Better Call Saul (AMC)
Matthew Rhys – Perry Mason (HBO)

Melhor Atriz em Série Dramática
Emma Corrin como Princesa Diana na série The Crown, indicada na categoria de Melhor Atriz em Série Dramática no Critics Choice Awards 2021 | Crédito: Des Willie / Foto de Produção (Netflix)

Christine Baranski – The Good Fight (CBS All Access)
Olivia Colman – The Crown (Netflix)
Emma Corrin – The Crown (Netflix)
Claire Danes – Homeland (Showtime)
Laura Linney – Ozark (Netflix)
Jurnee Smollett – Lovecraft Country (HBO)

Melhor Ator Coadjuvante em Série Dramática

Jonathan Banks – Better Call Saul (AMC)
Justin Hartley – This Is Us (NBC)
John Lithgow – Perry Mason (HBO)
Tobias Menzies – The Crown (Netflix)
Tom Pelphrey – Ozark (Netflix)
Michael K. Williams – Lovecraft Country (HBO)

Melhor Atriz Coadjuvante em Série Dramática

Gillian Anderson – A Coroa (Netflix)
Cynthia Erivo – The Outsider (HBO)
Julia Garner – Ozark (Netflix)
Janet McTeer – Ozark (Netflix)
Wunmi Mosaku – Lovecraft Country (HBO)
Rhea Seehorn – Better Call Saul (AMC)

Melhor Série de Comédia

Better Things (FX)
The Flight Attendant (HBO)
Mom (CBS)
PEN15 (Hulu)
Ramy (Hulu)
Schitt’s Creek (Pop)
Ted Lasso (Apple TV+)
What We Do in the Shadows (FX)

Melhor Ator em Série de Comédia

Hank Azaria – Brockmire (IFC)
Matt Berry – What We Do in the Shadows (FX)
Nicholas Hoult – The Great (Hulu)
Eugene Levy – Schitt’s Creek (Pop)
Jason Sudeikis – Ted Lasso (Apple TV+)
Ramy Youssef – Ramy (Hulu)

Melhor Atriz em Série de Comédia
Christina Applegate, indicada como Melhor Atriz em Série de Comédia no Critics Choice Awards 2021, na 2ª temporada de Disque Amiga Para Matar | Crédito: Saeed Adyani / Netflix

Pamela Adlon – Better Things (FX)
Christina Applegate – Disque Amiga Para Matar (Netflix)
Kaley Cuoco – The Flight Attendant (HBO Max)
Natasia Demetriou – What We Do in the Shadows (FX)
Catherine O’Hara – Schitt’s Creek (Pop)
Issa Rae – Insecure (HBO)

Melhor Ator Coadjuvante em Série de Comédia

William Fichtner – Mom (CBS)
Harvey Guillén – What We Do inthe Shadows (FX)
Daniel Levy – Schitt’s Creek (Pop)
Alex Newell – Zoey’s Extraordinary Playlist (NBC)
Mark Proksch – What We Do inthe Shadows (FX)
Andrew Rannells – Black Monday (Showtime)

Melhor Atriz Coadjuvante em Série de Comédia

Lecy Goranson – The Conners (ABC)
Rita Moreno – One Day at a Time (Pop)
Annie Murphy – Schitt’s Creek (Pop)
Ashley Park – Emily in Paris (Netflix)
Jaime Pressly – Mom (CBS)
Hannah Waddingham – Ted Lasso (Apple TV+)

Melhor Minissérie

I May Destroy You (HBO)
Mrs. America (FX)
Normal People (Hulu)
The Plot Against America (HBO)
O Gambito da Rainha (Netflix)
Small Axe (Amazon Studios)
The Undoing (HBO)
Nada Ortodoxa (Netflix)

Melhor Filme feito para a TV / Telefilme

Má Educação (HBO)
Between the World and Me (HBO)
The Clark Sisters: First Ladies of Gospel (Lifetime)
Hamilton (Disney+)
Sylvie’s Love (Amazon Studios)
What the Constitution Means to Me (Amazon Studios)

Melhor Ator em Minissérie ou Telefilme

John Boyega – Small Axe (Amazon Studios)
Hugh Grant – The Undoing (HBO)
Paul Mescal – Normal People (Hulu)
Chris Rock – Fargo (FX)
Mark Ruffalo – I Know This Much is True (HBO)
Morgan Spector – The Plot Against America (HBO)

Melhor Atriz em Minissérie ou Telefilme
Anya Taylor-Joy, indicada a Melhor Atriz em Minissérie ou Telefilme no Critics Choice Awards 2021, na minissérie O Gambito da Rainha | Crédito: Cortesia da Netflix

Cate Blanchett – Mrs. America (FX)
Michaela Coel – I May Destroy You (HBO)
Daisy Edgar-Jones – Normal People (Hulu)
Shira Haas – Nada Ortodoxa (Netflix)
Anya Taylor-Joy – O Gambito da Rainha (Netflix)
Tessa Thompson – Sylvie’s Love (Amazon Studios)

Melhor Ator Coadjuvante em Minissérie ou Telefilme

Daveed Diggs – The Good Lord Bird (Showtime)
Joshua Caleb Johnson – The Good Lord Bird (Showtime)
Dylan McDermott – Hollywood (Netflix)
Donald Sutherland – The Undoing (HBO)
Glynn Turman – Fargo (FX)
John Turturro – The Plot Against America (HBO)

Melhor Atriz Coadjuvante em Minissérie ou Telefilme

Uzo Aduba – Mrs. America (FX)
Betsy Brandt – Soulmates (AMC)
Marielle Heller – O Gambito da Rainha (Netflix)
Margo Martindale – Mrs. America (FX)
Winona Ryder – The Plot Against America (HBO)
Tracey Ullman – Mrs. America (FX)

*As categorias referentes a programas de variedade e curtas, entre outros, não foram incluídas na lista da Matinê, mas podem ser conferidas diretamente no site da CCA.

COMPARTILHAR
Criador da Matinê, está no 6º semestre do curso de jornalismo no Centro Universitário Ritter dos Reis - UniRitter. Aqui escrevo sobre filmes e séries a partir da minha perspectiva de mundo, sem medo de mostrar a todos o meu entendimento pessoal daquilo que assisto. O debate de pontos de vistas diferentes é livre, e sempre bem-vindo.